Favoritos da MX4 e MX5 têm dia difícil no Brasileiro e destaque fica com 50cc

Escrito em 05/10/2020
Cesar Araujo


Recheada de disputas acirradas e provas surpreendentes, o primeiro dia de baterias oficiais válidas pela segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross demonstrou que os favoritos podem ter dias não tão bons, e que os pequenos corredores vêm dando um show de coragem e profissionalismo nas competições. 

Nesta sexta-feira (2), competiram os pilotos das classes MX5, MX4 e 50cc. Os treinos cronometrados apontavam um caminho semelhante ao da primeira fase, mas no “valendo”, o resultado foi diferente.

No treino cronometrado desta sexta-feira (2), Jorge Negretti foi o melhor, mas na prova, acabou se machucando. Anísio Clasen cresceu na pista e fez uma bela corrida, conquistando a vitória e acumulando mais pontos na classe MX5, uma vez que ele terminou em terceiro lugar na primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross. 



Anísio Clasen foi o melhor na MX5 nesta sexta-feira

Assim ficou o pódio da MX5 nesta segunda etapa da competição (com os tempos oficiais):

1 - Anísio Clasen (#69) - 20min
2 - Marco Muller (#28) - 20min04s
3 - Nasri Sarkiss (#153) - 20min17s952
4 - Carlos Kettermann (#54) - 20min17s974
5 - Alencar Krefta (#880) - 20min52s



Pela MX4, Willian Guimarães estava na dianteira após o treino cronometrado, sinalizando que o resultado da semana passada - quando ficou em primeiro no pódio - iria se repetir. Mas logo nas primeiras aceleradas de hoje, o piloto acabou ficando para trás e terminou em sexto lugar. 

A prova teve uma disputa pesada entre Cristiano Lopes e Markolf Berchtold pelos lugares mais altos da categoria, com Rafael Ramos marcando duro para estar entre os três primeiros. Contando com toque no ar e pegas de tirar o fôlego, a disputa na MX4 configurou o seguinte pódio (com os tempos oficiais); 

 



1 - Cristiano Lopes (#26) - 20min39s

2 - Markolf Berchtold (#717) - 20min42s

3 - Rafael Ramos (#6) - 21min

4 - Rodrigo Peguinelli (#152) - 21min07s

5 - Richard Berois (#9) - 21min10s



Na bateria da categoria 50cc, Zion Berchtold, Luanna Neves e Vitinho Vale fizeram uma linda disputa, com muitas aceleradas e uma empolgante disputa pelo segundo lugar, que acabou ficando com Vitinho, diferente da primeira etapa, quando Luanna foi a vice-campeã da rodada.

O pódio da 50cc (com os tempos oficiais ) na segunda etapa do campeonato é esse:

 

 

1 - Zion Berchtold (#7) - 18min44s

2 - Victor Hugo “Vitinho” Vale (#2) - 19min03s

3 - Luanna Neves (#19) - 19min15s

4 - Lucas Valar (#32) - 20min11s

5 - Matheus Andrade (#245) - 18min54s*

*uma volta atrás do quarto colocado